Medicina Tradicional Chinesa e Acupuntura

Compreenda como a medicina mais antiga do mundo pode ajudar a melhorar a energia vital do seu corpo e mente através de recursos alternativos. Conheça as técnicas e a história da medicina chinesa e se surpreenda.

Práticas Corporais:
Qi Gong e Tai Chi

As Práticas corporais dentro da Medicina Tradicional Chinesa são amplamente utilizadas para tratamento e prevenção dos mais diversos agravos à saúde. Baseiam-se assim, como toda a medicina chinesa, na circulação do Qi (energia) pelo corpo e na relação desta com a natureza e o mundo a nossa volta. Quando se utiliza o Qi por meio da prática corporal específica, automaticamente acessa-se a energia que está em volta de nós e a circula de modo intenso, aproveitando ao máximo tais recursos naturais.

Acredita-se na influência direta da cultura indiana na origem das práticas corporais da Medicina Tradicional Chinesa. A Yoga milenar e suas mais variadas vertentes físicas, respiratórias e mentais influenciaram os antigos chineses por volta do século V na qual iniciaram a prática do Kung Fu Shaolin e daí derivam o Tai-Chi, o Wu-Chu, o Qi-Gong (China).

As práticas corporais na China antiga, sofreram interferências de vários movimentos. Os taoístas e confucionistas, a empregaram com o objetivo de equilibrar a saúde, relaxando e centralizando seus pensamentos e emoções, que de modo desordenado, poderiam gerar doenças. Era portanto uma atividade mental por excelência. O conceito da prática física foi empregado pelos antigos médicos chineses, que entenderam que não somente as práticas meditativas poderiam oferecer o bem estar necessário à saúde do indivíduo.

A movimentação do corpo ajudaria a promover uma melhor circulação do Qi, e esse conceito médico é um dos pilares da medicina chinesa, surgindo o Qi Gong, Liam Gong, Lien Chi, dentre outros. Logo, os exercícios complementariam as outras estruturas básicas da Medicina Chinesa (Acupuntura, fitoterapia). A partir dessa escola médica, as práticas corporais foram implantadas no sistema de saúde vigente há milênios. Por outro lado, os monges praticantes de artes marciais da escola Shaolin, perceberam que esses conceitos tornariam as práticas físicas melhores e mais efetivas, e surgem, dentro das artes marciais, movimentos de Qi Gong para aumentar sua efetividade. Logo, as práticas corporais passaram por várias vertentes e com isso misturaram-se à cultura oriental, vigente até os dias de hoje.

Qi gong

O Qi gong (ou Chi kung e quer dizer, "cultivar ou circular a energia") é a prática corporal clássica da medicina chinesa, e dele surgiram várias outras técnicas (Liam Gong, Lien Chi, etc) que visam justamente esse aproveitamento do Qi, logo ele não é somente um exercício físico, mas sim uma maneira de Transcender o ser, em uma visão mais holística da vida.

O conceito da circulação do Qi pode ser até mais amplo, sendo que o praticante pode até direcionar a energia para partes do corpo que ele deseja tratar ou simplesmente promover um melhor fluxo. Esse conceito é o que está por trás das artes marciais orientais, como por exemplo o Tai Chi.

Tai Chi

Tai Chi ("fim supremo"), originalmente foi desenvolvido no século XIII e é muito mais do que uma arte marcial. Através de seus movimentos específicos e lentos, o praticante consegue se conectar à sua energia superior, aliando-se a grande força que permeia o universo.

O Qigong, o Tai Chi, as artes marciais (Aikido, kung fu e etc) permitem ao praticante alterar positivamente o fluxo energético, promovendo uma harmonia do corpo, bem como de sua saúde e, indo mais longe, propiciando uma melhor relação do indivíduo com o universo além do cultivo da paz interior.

O foco principal das práticas corporais é melhorar o espírito, o ser, graças à atividade física específica. O movimento, aliado a respiração, promove uma maior absorção do Qi e circulação do mesmo, junto com uma concentração adequada, poderia expandir o nível de consciência e tal processo leva ao bem estar físico e mental. Podem ser praticadas por qualquer indivíduo, não havendo restrições, porém devem ser orientadas e praticadas.

Compartilhar