Compartilhar

por Equipe Horóscopo Virtual

A Superlua e os signos

Muitos acontecimentos astronômicos têm se manifestado nos últimos anos. A Superlua, por exemplo, aconteceu três vezes em 2015 e é um fenômeno extremamente interessante e que afeta grandemente a sociedade, assim como todos os acontecimentos lunares que nos tirem da rotina – como os eclipses, por exemplo – já que a Lua é um satélite muito poderoso e que exerce grande influência sobre nós.

Basicamente, a Superlua acontece quando a Lua está mais próxima da Terra do que o habitual. Tecnicamente, é sabido que o movimento da Lua em torno da Terra é não-linear, o que afeta a distância deste satélite em relação ao nosso planeta. Durante determinada Lua cheia, portanto, a Lua fica ainda mais próxima de nós em relação ao ponto mais próximo possível. Ou seja, mais próxima ainda do que no perigeu (ponto mais próximo da Lua em relação a Terra no percurso de sua órbita).

Pela nossa visão, ela parece bem maior e mais iluminada. E não só parece, como de fato está: fica até 14% maior e 30% mais brilhante, dependendo do local de onde você está olhando.

Apesar de acontecer todos os anos, a Superlua não é vista seguidamente pelo mesmo país (pelo menos, não de forma comum), já que o movimento do planeta e dos ciclos lunares é contínuo. Mas, apesar de raro, não é impossível. Em 2015, os brasileiros puderam olhar o céu e apreciar este fenômeno por três vezes! Entretanto, além do visual maravilhoso que o céu imprime nos momentos de aproximação da Lua cheia, a Superlua também influencia pessoalmente e astrologicamente cada um de nós.

Para começar, é fato que a Lua cheia influencia as marés, portanto, também mexe com as nossas emoções, sensações e sentimentos – tudo fica bem mais forte e intenso. Dependendo de quando a Superlua ocorre, ela afeta com mais potencialidade determinados signos. Porém, é fato inquestionável que irá afetar todos do Zodíaco de alguma maneira.

Para saber exatamente o que acontece com cada signo durante a Superlua, é necessário saber quando ela irá ocorrer e se acontecerá outro fenômeno ao mesmo tempo (por exemplo: em 2015, em uma Superlua também aconteceu um eclipse lunar). Mas, de forma geral, as principais características de cada signo ficam extremamente afloradas.

Virginianos podem ficar ainda mais metódicos e organizados e isso pode, inclusive, se tornar um estresse durante o período. Os arianos ficam extremamente críticos e muito mais ambiciosos. Em Touro, a Superlua se traduz, muitas vezes, em superproteção familiar e muita determinação em objetivos pessoais.

Gêmeos irá explorar a criatividade, com desejos de mudança e de viajar, talvez até mesmo sem rumo definido. Por outro lado, também pode trazer problemas de concentração e de comunicação, e assim por diante em relação aos outros signos. Tudo depende, como dito, da época que a Superlua acontece. Essa informação é crucial para delinear como cada signo será afetado.

De qualquer forma, é inegável a forte presença da Superlua no mundo do Zodíaco. Todos os signos sentirão diferenças, tanto boas como ruins, que deixarão, de fato, todas as emoções mais intensas. Por isso, o período em que a Lua fica mais próxima da Terra é extremamente importante, por mexer tanto com todos.


Artigo escrito por Giovanna Frugis.

Compartilhar

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.