por Equipe Horóscopo Virtual

Missão cármica de cada signo

Você já ouviu falar em carma, não é mesmo?

A palavra carma é, quase sempre, associada a algo negativo. Um termo que geralmente carrega uma certa energia negativa e é ligado a coisas ruins e dificuldades  que atravessam nosso caminho.

O carma é visto por muitos como algo ruim que trazemos de outras vidas e precisamos enfrentar na vida atual.

De onde vem a origem do carma

A palavra carma vem do sânscrito “karma” e tem como significado principal “ação”. O termo carma é utilizado religiosamente dentro das doutrinas budista, hinduísta, jainista, sique e teosófica.  Em cada uma destas doutrinas o carma possui um significado e peculiaridades em particular.

O que é carma?

Segundo estudos e com base em termos filosóficos, carma é a lei universal de causa e efeito, capaz de governar as ações intencionais. De acordo com esta lei, o carma é responsável pela produção de resultados, que mais cedo ou mais tarde, serão sentidos por quem realizou a ação.

O carma pode ser positivo ou negativo. Boas ações trazem para nossas vidas efeitos cármicos positivos e de bem, já ações negativas trazem um efeito cármico negativo e quase sempre carregado de dificuldades e vibrações pesadas.

O conceito de carma é muito utilizado em todas as escolas budistas e em todas as interpretações do Darma. Através do carma é possível compreender um conceito de totalidade do ser humano. No estudo budista o ser humano é composto por três carmas: carma gerado pelo corpo, gerado pela fala e gerado pela mente.

Tipos de carma

O carma é gerado pelas ações que realizamos em nosso dia a dia. Existem efeitos cármicos positivos, negativos e neutros.

O carma positivo é gerado por ações realizadas com o propósito de ajudar os outros.  O carma negativo é aquele que tem origem a partir de atos que tem por finalidade prejudicar algo ou alguém. Já o carma neutro é gerado por ações não intencionais.

O carma de cada signo

Áries

O principal carma dos arianos é se envolver com pessoas dominadoras. A dificuldade encontrada pelos nativos deste signo na hora de revelar sua verdadeira personalidade os torna fortemente influenciáveis por pessoas de caráter e personalidade forte.

A principal missão que Áries deve associar ao seu carma é aprender a confiar em si mesmo. 

Touro

O carma dos taurinos está associado a problemas de relacionamento. Os nativos deste signo costumam enfrentar dificuldades por serem um pouco egocêntricos, devido a isso acabam se tornando pessoas um tanto reclusas e às vezes solitárias. 

A missão dos taurinos é aprender a lidar com a desconfiança e a insegurança, colocando as sempre em segundo plano.

Gêmeos

Devido a intuição muito poderosa, os geminianos tendem a ter um certo receio em se entregar a relacionamentos e se envolver profundamente em determinadas atividades. O carma de Gêmeos está associado principalmente a sua liberdade, o excesso de cuidado o torna medroso e muitas vezes limitado. 

Os geminianos devem aprender a lidar principalmente com seus questionamentos internos. Pensar é fundamental, mas pensar demais pode ser um problema.

Câncer

Os cancerianos possuem grande dificuldade para evoluir espiritualmente. Por seu excesso de amor e zelo costumam se apegar demais a coisas e pessoas, fator que os prende muito a este plano. 

Em sua missão cármica, os nascidos em Câncer devem aprender principalmente a ser sinceros consigo mesmo, não se iludir com falsos pensamentos e não criar grande expectativas.

Leão

Amor próprio esse é o carma de Leão. Por serem pessoas bastante egocêntricas e em alguns casos até mesmo narcisistas. 

Como missão os leoninos precisam aprender a controlar o amor próprio. Esse tipo de amor é fundamental, mas nunca se deve esquecer que o universo não gira apenas em torno de você e amor ao próximo também é fundamental para uma vida plena e harmônica.

Virgem

No carma de virgem identificamos a dificuldade de separar o que é do outro e o que é seu. Os virginianos tem como costume trazer para si problemas dos outros, ocasionando assim problemas e dificuldades ainda maiores no seu dia a dia. 

A missão dos virginianos é parar de pensar no passado e ter consciência que fazer o bem é fundamental, mas isso não deve e não pode gerar mal algum a si próprio.

Libra

Os librianos possuem uma forte tendência a serem seres um pouco egoístas. Devido a grande importância que dão para tudo aquilo que fazem, costumam ser vistos como autoritários e até mesmo arrogantes. 

Em sua missão os nativos deste signo devem aprender que nem sempre se tem a razão. É possível aprender com os próprios erros e também com erros e qualidades alheias. Os librianos devem se atentar ao crescimento espiritual e deixar de guardar mágoas e rancor.

Escorpião

As mudanças assustam muito os escorpianos. O carma ligado a este signo vem muito forte na relação com a insegurança. Tudo que é novo ou desconhecido gera muito desconforto aos nativos deste signo. 

Para melhorar em relação a isso e evoluir espiritualmente, a missão dos escorpianos é aprender a se doar e se entregar mesmo que a situação não seja 100% segura.

Sagitário

Os sagitarianos possuem grande dificuldade em aprimorar o autoconhecimento. Por serem pessoas bastante indecisas, costumam sofrer com diferentes influências e se colocar quase sempre em cima do muro. 

Para solucionar isso, os nascidos em Sagitário devem aprender a buscar o melhor de cada situação. A busca pela verdade e pela justiça proporciona aos nativos deste signo muito mais segurança e consequentemente autoconfiança.

Capricórnio

Os capricornianos costumam sofrer por absorverem com muita intensidade todo e qualquer sentimento. São capazes de ficar extremamente alegres ou extremamente tristes em questão de segundos. 

Devido a isso a missão de Capricórnio está relacionada à abertura que deve ser dada as pessoas. Os capricornianos devem identificar e aproveitar as situações onde podem se abrir e expor de forma confortável seus sentimentos e desejos.

Aquário

Quem nasceu em Aquário muitas vezes enfrenta o desafio de não conseguir ter limites. A busca pelo novo e pelo desconhecido os torna um tanto ilimitados e em alguns casos até mesmo impulsivos. 

É preciso aprender que é fundamental não impor suas vontades e respeitar os medos, vontades e limites dos outros.

Peixes

Os nativos de Peixes costumam guardar muita raiva e rancor, e geralmente associam isso não apenas a fatos que ocorreram em um curto espaço de tempo, mas também a casos e situações ligadas principalmente ao seu passado. 

Como missão os piscianos devem aprender a perdoar as pessoas, e não apenas da boca pra fora, mas sim perdoar profundamente, com o coração e com a alma.


Artigo escrito por Tatiane Silva de Paula.

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.