Compartilhar

por Equipe Horóscopo Virtual

O que é astrologia eletiva?

Antes de entrarmos no conceito de astrologia eletiva propriamente, vale a pena entendermos um pouco mais sobre a importância do tempo em nossas vidas e em como escolher o momento certo para tomar decisões influencia no resultado delas.

É impressionante como hoje estamos bem e amanhã, de uma hora para outra, começamos a sentir os sintomas de alguma doença ou ficamos entristecidos. Hoje estamos inspirados para realizar nosso trabalho, e amanhã já não será um dia tão bom assim. Hoje você ainda não tem certeza em tomar determinada decisão; amanhã, terá. Perceba como o tempo muda tudo, absolutamente tudo.

Por isso, em Astrologia, assim como em todos os outros segmentos da vida, o tempo é muito importante. É possível estudar a qualidade de cada momento e, dessa forma, escolher os melhores para começar projetos, definir os piores para não tomar decisões importantes neles e assim por diante. Esse estudo da astrologia que nos permite definir momentos bons e ruins e, a partir disso, escolher quando vamos tomar decisões, é a astrologia eletiva (também conhecida como astrologia de escolha).

A astrologia eletiva, portanto, é o estudo, ou a técnica, que nasce a partir deste estudo, que nos permite encontrar o melhor tempo para cada ação e decisão que precisamos tomar.

Vamos a alguns exemplos. Se quiser fazer o chá de cozinha para sua casa nova, escolha um dia que favoreça a alegria, animação e diversão da festa. Portanto, escolha uma data com a Lua em Leão, que adora festas, ou em Gêmeos, que é um signo comunicativo e gosta de estar rodeado de companhias agradáveis.

Caso eu precise, por exemplo, replanejar meu lar, mudar móveis de lugar, limpar os cômodos, organizar os armários, jogar fora o que não uso mais, fazer isso numa data com a Lua em Virgem, signo ligado ao perfeccionismo e aos detalhes, ou em Capricórnio, que é ligado ao planejamento e à concentração, fará com que seu objetivo final seja alcançado com muito mais maestria do que se tentar realizá-lo quando a Lua estiver em Peixes, que é um signo desorganizado e bagunceiro.

Momento exato

É claro que há eventos em nossas vidas que merecem ainda mais precisão na escolha de quando acontecerá. Por exemplo, numa cirurgia, caso você tenha a oportunidade, é importante escolher o momento exato para sua realização. Mas, para isso, entram outros critérios da astrologia seletiva – não só a Lua (por fase e signo) deverá ser vista como também a posição de Mercúrio, que representa a cura; de Marte, que representa os riscos; de Vênus… E, assim por diante, vendo a posição de todos os astros. 

Nestes casos, o astrólogo tem o objetivo de encontrar o conjunto mais harmonioso possível, analisando todos os fatores necessários, para decidir qual a melhor data e hora para a realização de uma cirurgia ou algum outro evento de tamanha importância. 

Uma nova vida

Certos momentos não devem receber nenhum tipo de interferência - como o nascimento de uma nova vida. Quando possível, deve ocorrer de forma natural, pois cada pessoa tem seu destino e, portanto, seu próprio dia e horário de nascimento.

Caso a mãe já esteja planejando fazer uma cesariana, aí a conversa muda. Quando possível, vale escolher uma data favorável a um nascimento, como a Lua em Touro, por exemplo, que é boa para o bebê, ou em Câncer, que é receptiva à família. Agora, caso você escolha que seu filho nasça num período do dia e, por algum motivo, isso mude, não se preocupe: é o destino de sua criança falando mais alto. Uma vida surge no mundo quando tem que surgir e devemos interferir o mínimo possível neste evento tão importante. 

Justamente por isso, vale frisar que nenhuma mãe deva optar pela cesariana somente pela astrologia, para escolher determinado signo ou posição dos astros no horário do nascimento. Cada pessoa tem seu próprio destino e, com isso, cada um tem seu momento certo de nascer. Quando podemos interferir, o fazemos. Quando não, devemos apenas aproveitar e presenciar uma nova vida tomando seu curso. 

Tudo certo, tudo errado... ou mais ou menos

Aquela velha história de que você conheceu a pessoa certa, mas no momento errado é completamente válida. Há muitas pessoas que fizeram a escolha certa, como, por exemplo, se casar, mas no momento errado – cedo ou tarde demais para elas. Há pessoas, no entanto, que fazem escolhas corretas nos momentos e lugares perfeitos. 

O tempo nos traz respostas, nos consola em desilusões e nos explica muitas coisas que não entendíamos antes. Por isso, saiba que você também terá seu tempo. Às vezes cometerá alguma decisão no momento ou no lugar errado. Mas, no tempo certo de sua vida, coisas boas acontecerão – e é por isso que vale tanto a pena estudar a astrologia eletiva, para que possamos colaborar com nossa própria história. 

Será que a astrologia eletiva de fato funciona?

Se você ainda está em dúvida sobre a astrologia eletiva, é hora de eliminar seus questionamentos. Assim como toda a astrologia, a eletiva é feita com muito estudo, observação e conhecimento. 

Vale ressaltar, no entanto, que, muitas vezes, é impossível escolher um caminho sem interferências, acontecimentos ruins ou momentos de tensão. Nestes casos, a astrologia eletiva te ajuda a escolher o caminho “menos pior” a ser seguido – ou seja, de uma forma ou de outra, já ajuda, certo? 

É importantíssimo entender que, mesmo com todo o estudo feito, nada acontece, também, sem nosso esforço e comprometimento para que aquela determinada situação ou determinado desejo se concretize e dê certo. 

O astrólogo estuda seu mapa, entende seu cenário e sua necessidade e, a partir disso, informa qual o melhor momento de fazer o que estávamos planejando. Portanto, perceba que ele apenas lhe ajuda a escolher um caminho, mas não tem o poder de mudar seu destino ou sua força de vontade – isso não compete a ele.

Definir um começo

A astrologia eletiva nos ajuda a definir um começo. Mas, não se esqueça de que, além do começo, tudo tem um meio e um fim. Pode-se escolher o melhor momento para comprar uma casa, mas isso não quer dizer que, durante os anos que viver nela, não haverá desafios, crises e insegurança – assim como, também, não quer dizer que, em algum momento futuro, não chegue a hora de vendê-la, pois o que era certo para você no passado pode não mais ser depois de alguns anos. 

Em resumo, na vida de cada um de nós existem momentos favoráveis e outros nem tanto para colocarmos em prática nossos sonhos e aquilo que necessitamos. Quando seguimos nosso fluxo astral, mostrado pela astrologia eletiva, a vida flui de forma mais natural e evitando os piores acontecimentos e as piores barreiras, deixando tudo mais positivo. Por isso, vale a pena consultar um astrólogo antes de tomar decisões importantes!


Artigo escrito por Giovanna Frugis.

Compartilhar

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.