Compartilhar

por Ellen Mützemberg

Palavras nem tão ao vento assim...

Palavras podem ter um peso enorme se ditas no momento errado, na hora errada e com o tom errado. As dificuldades do dia a dia podem ser um grande rival para quem acorda de bom humor, com sorriso na cara e com a alma de bem com a vida.

Basta uma atitude, uma frase, uma palavra dita sem você esperar que a pessoa vá dizer, pra acabar com o seu dia. Todos dizem “deve-se separar as coisas, não é porque algo deu errado que o resto também não vai dar”, discordo em partes.                                                                             

Se uma coisa deu errada, a chance das outras irem pro ar é maior ainda! Você perde o ânimo de fazer com jeito, você perde o entusiasmo, como não “juntar” as coisas? Olha, as decepções vêm das pessoas que mais amamos, as palavras ditas com dureza e grosseria, também.

Quando você sabe que a pessoa não é tão importante pra você, você não dá bola para o que ela vai dizer sobre você, mas quando é alguém em que você praticamente dá a sua vida por ela, aí meu caro, a coisa é bem diferente, o buraco é mais embaixo. Você passa horas se perguntando o que fez de errado, o que aconteceu pra aquela pessoa te tratar de tal maneira.

Lembranças vêm e martelam em sua cabeça, você reconhece o erro, mas aí para e pensa que fazia tanto tempo, não estava tudo resolvido? Sim, para você, mas para o seu companheiro parecia que não.

Mas, não são apenas as palavras ofensivas que têm o poder, quando as boas são ditas com sinceridade, elas também exercem uma força inabalável. Posso citar um trecho da música “Vida Loka” dos Racionais Mc’s que diz assim: “tenha fé porque até no lixão nasce flor”, com base nessa citação, a gente pode levar a vida com mais amor, com mais calma.

Então, mesmo que alguém te magoe em um dia lindo com sol brilhando e o seu rosto irradiante, não desanime, releve, afinal dessa vida não se leva nada, então pra que guardar mágoas? E aqueles que nos desejam apenas o bem, coisas boas e paz, que venha com pureza, sinceridade e que venha cheio de vibrações positivas.

Enfim, deixemos de lado as coisas ruins e bola pra frente, não há necessidade de se desgastar por bobeira, a vida é assim, cheia de altos e baixos, momentos bons e ruins, mas tudo serve como experiência e prendizado.

Aconselho a sempre tomar cuidado com o que diz e pra quem você irá dizer, pois as palavras têm poder, seja para o bem, quanto para o mal, mas o mal só irá te atingir se você autorizar.

Compartilhar

Ellen Mützemberg

+ artigos

Estudante de jornalismo, apaixonada pela leitura e por consequência disso, acaba tendo uma coleção de livros. Nas horas vagas procura tirar fotografias. O que não pode faltar em sua bolsa e no seu dia a dia é um bom livro.

email [email protected]

instagram @ellenmutz