por Equipe Horóscopo Virtual

As pedras de cada planeta

Na astrologia védica, é possível encontrar um profundo autoconhecimento e desvendar questionamentos relevantes ao destino nos diferentes planos da vida: emprego, saúde, relacionamentos e questões financeiras. Com um mapa astral, é possível descobrir a atuação dos planetas na vida e no destino de cada pessoa.

Cada planeta tem uma pedra preciosa usada como ferramenta de tratamento na astrologia védica. Elas afastam hostilidades e efeitos nocivos e trazem equilíbrio às energias de cada pessoa, assim como à energia a seu redor. As pedras podem ser usadas como joias, mas carregar a gema pode ser suficiente, contanto que ela tenha contato suficiente com a pele. No caso de anéis, por exemplo, cada planeta tem um dedo especifico no qual deve ser usado.

Sol - Rubi

O Sol traz resistência, vitalidade, sabedoria e riqueza. Se está numa posição negativa no mapa astral, porém, pode ocasionar brigas, pessimismo, febre e indigestão.

A pedra do Sol é o rubi. Essa pedra preciosa pode ter coloração vermelha ou em tons de rosa. Encontrados principalmente na Ásia, África e Austrália, os rubis são bastante raros e uma das pedras mais potentes da astrologia védica. A turmalina vermelha também pode ser usada como pedra do sol.

Lua - Pérola

A Lua representa a energia criadora. Traz sorte, inspiração, paz de espírito e bem-estar. Porém, em seu aspecto negativo, traz azar, problemas nos olhos, resfriados e desconforto. 

A gema da Lua é a pérola. É um material precioso, produzido por ostras e outros moluscos. São extremamente resistentes e costumam durar mais 150 anos, embora uma pérola de cerca de 2000 anos tenha sido encontrada num sítio arqueológico. Podem ter cores variadas, creme é a mais comum, mas também aparecem em azul, verde e negro. Na ausência de pérolas, a pedra-da-lua também pode ser usada.

Mercúrio - Esmeralda

Mercúrio é um planeta dual e inconstante. Seu lado positivo fortalece a inteligência, a comunicação, a independência e a confiança. Mal posicionado, traz inquietação, insegurança, medo e problemas respiratórios.

A pedra de Mercúrio é a esmeralda. São famosas por sua marcante cor verde e podem ser opacas ou, na variedade mais preciosa, transparentes. A esmeralda é uma pedra sensível, encontrada principalmente na Colômbia, no Brasil e na Rússia. Outra gema de Mercúrio é a água-marinha.

Vênus - Diamante

Vênus se relaciona ao que é belo e refinado, atrai conhecimento, amor e está relacionado ao casamento e a prosperidade. Quando mal posicionado no mapa astral, traz problemas amorosos, anemia e baixa autoestima.

A pedra de Vênus é o diamante. Esta é a substância mais dura da natureza e uma das mais famosas pedras preciosas. Tem grande transparência e brilho e em geral são incolores ou em tons marrons e amarelados. Zircônio é outra pedra do planeta Vênus.

Marte - Coral

Marte confere bravura, determinação, coragem e força física. Em posição negativa no mapa astral, traz agressividade e impulsividade e daí ferimentos são comuns, assim como falta de motivação.

A gema de Marte é o coral. Essa pedra é originada a partir do exoesqueleto calcário de organismos marinhos. Sua cor mais marcante é o vermelho, mas também existe em tons de rosa e em branco ou preto. É uma pedra especial, pois se origina no oceano. Outras pedras de Marte são a cornalina vermelha e o jaspe de sangue. 

Júpiter - Safira Amarela

Júpiter é um planeta protetor. Traz serenidade, paz interior, sorte e inteligência. Quando mal posicionado, Júpiter atrai problemas familiares, descontrole financeiro, falta de sorte e artrite.

A pedra de Júpiter é a safira amarela. As safiras são pedras preciosas que vêm em diferentes cores, sendo a amarela uma de suas variações mais populares. As safiras são encontradas principalmente no sul da Ásia e na Austrália. O topázio amarelo e o citrino são outras pedras do planeta Júpiter.

Saturno - Safira Azul

Saturno é o planeta da longevidade, traz sabedoria, paciência, organização e habilidades de liderança. Em posição negativa, leva ao medo, à culpa, ao envelhecimento precoce e a problemas auditivos.

A pedra de Saturno é a safira azul, das mais potentes pedras da astrologia védica. Essa é a mais preciosa e mais marcante variedade da safira. Ela pode ser opaca ou transparente. Da Caxemira, na Índia, vinham as melhores safiras azuis, embora essas minas tenham se esgotado. O lápis lazúli também pode ser usado como pedra de Saturno.

Ketu - Olho de Gato

Ketu também é conhecido como Nódulo Lunar Sul. Traz sabedoria, desapego e conhecimentos espirituais. Se mal posicionado, atrai ansiedade, doenças de pele e pesadelos.

A pedra de Ketu é o olho de gato. Essa pedra tem como característica mais marcante ser atravessada por uma faixa de luz brilhante. Suas cores vão do verde ao mel e marrom com toques de dourado. Outra pedra de Ketu é a bastante semelhante olho de tigre.

Rahu - Hessonita

Esse astro é também conhecido como Nódulo Lunar Norte. Numa boa posição, atrai fama, beleza e sucesso nos negócios. Em posição negativa, traz insensibilidade, letargia, problemas familiares e no lar.

A pedra de Rahu é a Hessonita, uma variedade da Granada. Sua cor vai do amarelo ao laranja avermelhado. São encontradas no Sri Lanka, no Brasil e na Califórnia. Outras pedras de Rahu são a ágata alaranjada e o citrino.


Artigo escrito por Ana Beatriz Monteiro da Equipe Horóscopo Virtual.

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.