por Erickson Rosa

Como ensinar seu filho a ser feliz

Qual a coisa mais importante a ensinar para o seu filho? Muitas coisas podem vir até a sua mente nesse momento, afinal, existem várias coisas que queremos passar para os nossos filhos. Mas já pensou que não ensinamos os nossos filhos a serem felizes? 

Bandura, um famoso psicólogo estadunidense, escreveu sobre a teoria da modelagem, ou chamada também de aprendizagem vicária. Esta teoria fala que as crianças aprendem muito mais pelo exemplo do que pela simples instrução. Isso significa que falar para o seu filho estudar tem menos impacto do que ele ver você lendo um livro. Ao ler um livro ou estudar na frente do seu filho, mostrará a ele a importância de adquirir conhecimento. Confúcio dizia: “São assim os grandes, ensinam mais com o exemplo do que com as palavras”

Mas o que isso tem a ver com a felicidade? 

Se ensinarmos os nossos filhos a serem felizes, iremos procurar sorrir mais, reclamar menos, sermos positivos quando mais precisamos (que é quando as coisas não saem da maneira que esperamos) e através de exemplos mostrarmos que a felicidade é quando valorizamos as pessoas importantes em nossas vidas e não as coisas que a vida nos traz. Se você ficou confuso nessa parte, serei mais específico... A felicidade não habita nas coisas, casas, carros, roupas, etc. A felicidade está dentro de nós e das pessoas que amamos. Dalai Lama sabiamente falou que as coisas são para serem usadas e as pessoas amadas, mas que o problema do mundo é que as pessoas estão sendo usadas e as coisas amadas. Isso denota o quanto estamos acreditando que a felicidade está nas coisas e não dentro de nós. Temos a percepção errada que quando atingirmos uma determinada posição a felicidade nos encontrará, não percebendo que deixamos a felicidade no futuro, sem vivenciarmos ela no aqui e no agora. Não precisamos de algo para sermos felizes, podemos alcançar essa felicidade agora. 

Podemos ensinar os nossos filhos a encontrar a felicidade dentro de si, expressando a compaixão para com as pessoas e consigo. Você não precisa se culpar, não precisa se xingar. Lembre-se que os seus exemplos são um forte aprendizado para o seu filho e que quando você sorri, diz que ele pode enfrentar os desafios da vida com um sorriso e felicidade. Não estou dizendo que nunca deve chorar e nem ficar triste na frente de seu filho. Isso serve para mostrar a ele que a tristeza existe, mas que como tudo na vida, não é eterna. Ela passa e serve para aprendermos com ela. 

Uma outra maneira de ensinarmos a cultivar a felicidade... 

Podemos cultivar a felicidade através da compaixão, ao ensinarmos os nossos filhos que ao gerarmos benefícios aos outros, os nossos méritos aumentam e assim nos conectamos mais com as outras pessoas. Falo em conexão, pois no documentário “Happy” (disponível no YouTube, Netflix e outros serviços de streaming), vários psicólogos e sociólogos buscam responder o que traz a felicidade para o ser humano e uma das coisas que mais produz felicidade é o senso de comunidade, de conexão com as outras pessoas. 

Podemos mudar o mundo através de nossas crianças, mas para isso precisamos ser o exemplo do mundo que queremos. 

Erickson Rosa

+ artigos

Terapeuta holístico, Mestre Reikiano e formado em psicoterapia holística. Fundador do Coach Matinal e autor do e-book Ansiedade Sem Remédios. Ministra cursos e eventos com temas como a motivação, psicossomática, fisiognomonia e meditação.