Compartilhar

por Andrea Pavlovitsch

Aprenda a estender a mão

Ouvi essa frase fazendo minha mentoria com uma cliente – que virou amiga. E na hora percebi que essa era mesmo uma lição que eu andava precisando colocar em prática.

Sempre tive dificuldades com isso, confesso. Pedir ajuda parecia uma coisa de gente fraca. Mudei isso à custa de um problema de saúde, manifestado em 1999. Eu estava terminando a faculdade de Publicidade e comecei a ter crises de pânico. Eu só chorava, tinha engordado muito e, um dia, li o livro “Você Pode Curar Sua Vida”, da Louise Hay, que estava encostado na estante. Li tudo em uma tarde e, naquele dia, consegui pedir ajuda: “Mãe, eu não estou bem, preciso de ajuda”.

Esse foi o início de um processo longo de cura e transformações. Mudei muitas coisas depois daquele pedido de ajuda.E pedi ajuda muitas vezes mais.

Uma mão sob a outra

Mas aí o tempo passa, e você pensa: “Não precisa, eu me viro sozinha”. E vê as coisas saindo do controle, uma após a outra. Algumas coisas simplesmente mudaram no mundo, e você não acompanhou. E aí vem arrogância e toma conta. De novo.

E um dia alguém te olha e fala: “Precisa de ajuda?”. E aí, algo exausto, dolorido e cansado dentro de você responde finalmente: “Sim”. Então a mudança começa!

Ninguém consegue tudo o tempo todo. Não somos ilhas, nem super-homens ou supermulheres. As dores só doem para nos mostrar que algo não está certo. O que não está certo precisa de conserto e de mudança! E tudo bem alguém te oferecer a mão, porque com certeza você vai poder retribuir em algum momento. Se não com a mesma pessoa, talvez com outra, e tudo bem! A vida sabe tirar o melhor de você, sempre. Basta confiar!!!


Faça o teste e descubra como anda seu amor-próprio

Compartilhar

Andrea Pavlovitsch

+ artigos

Psicoterapeuta, taróloga e numeróloga, comecei minhas explorações sobre espiritualidade e autoconhecimento aos 11 anos. Estudei psicologia, publicidade, artes, coaching e várias outras áreas que passam pelo desenvolvimento humano, usando várias técnicas para ajudar as mulheres a se amarem e terem uma vida de deusa. Mãe da Nina de quatro patas, gosto de viajar, ler e sempre continuar estudando.

site andreapavlo.com

twitter @andreapavlo

facebook /AndreaPavlo

email contat[email protected]

instagram andreapavlo

celular (11) 9.8904-3635

youtube AndreaPavlovitsch