Compartilhar

por Paulo Bregantin

Entendendo, relendo e aceitando

Sempre existirão as saídas para os caminhos mais tortuosos, essa constatação é verdadeira, pois ao olhar para o passado consigo ver essas soluções/saídas. 

Minha paz de alma passa pelo tamanho de amor que tenho.

Manter um tempo de oração diária é um ótimo exercício para acalmar a alma e interferir nas questões relevantes da vida! Ore!

O amor que escrevo está além do sexo e de "viver até que a morte nos separe". Amor e alma são sobre qualidade, não tempo... 

Por ser infinita, a alma se liga ao amor, por também ser infinito. Quando eles se ligam, a felicidade se manifesta. Ame.

A alma cheia de amor exala felicidade. Vamos amar!

Quando acho alguém feliz e que ensina algo para a minha alma, esqueço do tempo e fico ali aprendendo sobre felicidade e alma. Hoje, eu vivo melhor.

Os incômodos da alma diminuem quando aplico o amor em minha vida e na vida dos outros. Ame.

A alma entende quando manifestamos amor. O amor enche o reservatório da alma. Ame.

As estranhezas da minha alma diminuem quando amo. O amor tem o poder de deixar a alma em paz. Ame.

Minha alma anseia por amor. O amor alimenta a alma. Ame.

Entendo a minha alma quando manifesto amor pelas pessoas.

O amor é o que impulsiona a pacificação da alma. Ame.

O frio físico pode ser minimizado com blusas e cobertores, mas o frio da alma só é minimizado com o amor. 

Leia também: Filmes para entender a espiritualidade e o amor

Muito bom ter para onde e para quem voltar. Obrigado, Senhor! 

Felicidade é continuar independentemente das adversidades da vida. Bora para a vida!

São as pessoas que fazem a diferença em nossas vidas, não as coisas. Pense!

As palavras não nos curam fisicamente, mas podem ser curadoras para a alma.

Deus é sempre bom! Se observarmos com "atenção", Ele sempre nos oferece o melhor.

Durma em paz e que os anjos estejam sempre ao nosso redor. Creia, pois Deus está cuidando de nós, agora e sempre. Amém! 

Nem tudo o que é lógico está certo. Certeza é sempre um ponto de vista...

Em muitas decisões, o coração grita, mas a gente "finge" que não ouve.

O único que pode me descredenciar de algo é Deus. Simples assim.

Não deixe de ouvir os seus instintos...

A alma fala conosco quando estamos prestes a tomar uma decisão, acerte os seus sentidos e perceba a sua alma...

Às vezes, a lógica complica uma decisão... Use o seu coração como guia quando tudo parecer nublado. 

Não fique distante de seu coração quando estiver próximo de uma decisão importante. 

Siga o seu coração, pois pode ser que a alma esteja nele. 

Quando uma decisão tem o consentimento do coração/alma, o final é sempre bom... Bora craniar. 

Compartilhar

Paulo Bregantin

+ artigos

Mais de 25 anos dedicado ao cuidado de pessoas, sendo Psicanalista Clínico e escritor com várias obras publicadas. Atua nas redes sociais como dono, gerenciando a página Paulo Bregantin e o Grupo Psicanálise Integrativa.

facebook /Paulo-Bregantin