por Equipe Horóscopo Virtual

Mitologia japonesa: Os deuses da sorte

Shichi Fukujin são os 7 deuses da sorte e da fortuna na cultura japonesa. Sua tradição vem do xintoísmo, que é a religião tradicional do Japão, e suas histórias, lendas e costumes permanecem até hoje no país. Esses deuses são lembrados principalmente no ano novo, onde as pessoas pedem todo tipo de prosperidade e sorte para o ano que está chegando. Conheça um pouco mais sobre cada um dos sete deuses:

Hotei

Hotei é o deus da abundância e da felicidade. Também é conhecido como “Buda risonho” pela sua aparência. Ele é careca, baixo e tem uma grande barriga, simbolizando fartura. Também é considerado patrono das crianças pobres, para quem ele entrega presentes que sempre carrega em sua enorme bolsa. De acordo com as lendas, Hotei consegue fazer previsões sobre o tempo e sobre a sorte das pessoas sem nunca errar.

Jurojin

Jurojin, também chamado pelo nome de Gama, é o deus da longevidade. É representado como um ancião de longa barba branca e cabeça careca e comprida. Ele carrega consigo um cajado, um copo de saquê, e um pergaminho. Nesse pergaminho está escrita toda a sabedoria humana e o tempo de vida de cada pessoa na Terra. Jurojin é sempre visto acompanhado de animais como garças e tartarugas, que são símbolos de longevidade no Japão.

Fukurokuju

É o deus da sabedoria, riqueza e longevidade. Seu nome pode ser traduzido pela junção de três palavras: felicidade (fuku), riqueza (roku) e longevidade (ju). Tem a testa longa, simbolizando a sua sabedoria e também uma longa barba branca que representa a longevidade. Ele é o único dos sete deuses que pode ressuscitar os mortos e sobreviver sem comer.

Bishamon

Também conhecido como Bishamonten ou Tamonten, Bishamon é o deus da guerra e dos guerreiros. Se apresenta com armadura de guerreiro, capacete e lança. As lendas contam que ele é protetor dos lugares por onde Buda passou e também protege a paz e a lei budista. É um símbolo de autoridade e pode salvar imperadores de doenças, demônios e pestes. Traz sorte na batalha e distribui riqueza para pessoas pobres e dignas.

Benzaiten

É a única deusa mulher dos sete deuses da sorte e da fortuna. É a deusa de tudo o que flui, por exemplo, as águas, a voz, a música, as artes e o conhecimento. É representada sempre com um instrumento musical nas mãos, mostrando, assim, a sua ligação com as artes. Também é sempre reverenciada por sua notável beleza.

Daikokuten

É o deus da riqueza, do comércio, protetor dos fazendeiros, cozinheiros e comerciantes. É representado com roupas de caça antiga com um capuz ou gorro. Normalmente, carrega um grande saco de arroz e possui uma barriga grande, para mostrar toda a sua prosperidade e fartura. Possui em sua mão um martelo de madeira que, onde atinge, distribui sorte. É comum encontrar a sua estátua em cozinhas e mosteiros budistas no Japão.

Ebisu

É o deus dos pescadores e da riqueza. Ele protege as viagens marítimas e as plantações em geral, principalmente as de arroz. É representado com uma vara de pescar na mão direita e um grande peixe na mão esquerda. As lendas contam que ele era filho do deus Daikokuten, por isso, os dois podem aparecer representados um junto com o outro.

 


Artigo escrito por Ricardo Sturk da Equipe Horóscopo Virtual.

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.