Compartilhar

por Equipe Horóscopo Virtual

Mitologia chinesa: Dragões celestiais

A mitologia chinesa é repleta de histórias, lendas e rituais. A maioria dessas crenças está associada a gerações passadas e tem forte ligação a acontecimentos históricos relacionados a fundação da cultura chinesa e do estado chinês.

Alguns estudiosos deduzem que a mitologia chinesa teve origem por volta de 1.100 a.C. Transmitidos, principalmente de forma oral, os mitos e lendas chineses já datam mais de mil anos de existência. Os primeiros registros escritos relacionados a mitologia chinesa foram registrados nos livros Shui Jing Zhu e Shan Hai Jing.

Dentro da mitologia chinesa existem diferentes divindades. Algumas dessas possuem origem taoísta e outras origem budista. Existem também diversas divindades que não possuem origem certamente definida.

Na mitologia chinesa, também se destaca a presença de criaturas mitológicas. Essas criaturas são consideradas de extrema importância para todos os rituais e mitos. Vistas como muito poderosas, elas se destacam e simbolizam verdadeiros Deuses dentro da cultura chinesa.

Dragões

O dragão chinês é considerado uma das criaturas mais importantes da mitologia chinesa. Visto como um dos mais poderosos seres da humanidade, acredita-se que o dragão seja o regulador de todas as águas. Sempre presentes em batalhas e confrontos, os dragões são os principais responsáveis pelo apoio dado a heróis e deuses.

O mito dos Quatro Deuses Celestiais

O dragão é considerado um dos quatro animais primordiais que ajudaram na criação do mundo. Segundo o mito chinês dos Quatro Deuses Celestiais, o Si Xiang Pan Gu dividiu a terra em quatro importantes quadrantes.

Cada quadrante representaria um ponto cardeal, uma estação do ano, um elemento, uma cor e uma virtude. Pan Ku também definiu que cada quadrante seria representado por um poderoso dragão.

Conheça os Dragões Celestiais

QING LONGO

Representado por um dragão azul é responsável pelo regimento e governo da parte oriental. Simbolizado pelo elemento madeira, tem como estação do ano a primavera e como principal virtude a ética.

SHU QUE

Muito parecido com uma Fênix, esse dragão possui tal semelhança pelo fato de seu elemento ser o fogo. Governante da parte sul, tem como estação do ano o verão e como principal virtude a sabedoria.

BAI HU

Forte, valente e ousado, esse dragão se destaca pela aparência de um tigre. Conhecido como guardião dos ensinamentos de Buda, Bai Hu tem como virtude a retidão. Sua estação é o outono e sua governança é aplicada na parte ocidental.

XUAN WU

A aparência deste dragão se assemelha muito a de uma tartaruga. Devido a isso seu elemento é a água. Pela tartaruga ser um animal bastante paciente, sua principal virtude é o discernimento. Sua estação é o inverno e sua cor é o preto.

Além destes quatro, existem diversos outros dragões relacionados à mitologia chinesa. Estes são os quatro principais e responsáveis pelas mais altas posições hierárquicas no taoísmo, devido a isso, recebem destaque na maioria dos mitos e lendas chineses.


Artigo escrito por Tatiana Silva de Paula da Equipe Horóscopo Virtual.

Compartilhar

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.