Compartilhar

por Erickson Rosa

O poder oculto nas emoções negativas

Você sabia que as emoções, sentimentos e pensamentos negativos podem conter o poder que você precisa para mudar sua vida? Por mais contraditória que essa informação possa ser, acredite. Há um poder oculto e que precisamos desvendar para utilizá-lo em nossa vida.

Carl Gustav Jung, psiquiatra Suíço, em sua teoria dos arquétipos nos fala sobre a sombra. A sombra nada mais é do que os sentimentos, emoções e pensamentos que habitam nosso interior, mas negamos a sua manifestação no mundo real por considerarmos feios, ruins ou não adequados.

Para exemplificar melhor podemos pegar uma emoção que por diversas vezes, enquanto crianças, manifestamos, a raiva. Quando a raiva se manifesta os pais dizem à criança que ela não deve sentir essa emoção, que essa emoção é nociva e não aceita pela sociedade. Obviamente que a criança não deixa de sentir essa emoção, porém ela não elabora mais tal sentimento a ponto de entender o motivo que desse sentimento existir. Suprimimos essa emoção fora de nossa consciência, de maneira a negar a si mesmo esse comportamento. 
Uma luta interna é travada, pois não queremos ser aquela pessoa irada que não é aceita. 

Combatendo as emoções negativas, querendo não senti-las, ou então, achando que são inadequadas, estamos dando mais energia a elas. No momento em que uma pessoa sente raiva e reprime esse sentimento, essa ganha mais energia no inconsciente e, quando essa pessoa ficar sensível e "baixar a guarda", essa emoção irá vir com toda energia para os comportamentos gerando uma explosão de fúria. Por isso que vemos pessoas reagindo com tanta intensidade a eventos corriqueiros.

Assim é com diversas emoções que habitam nosso ser. As negamos, pois não queremos ser aquela pessoa que é invejosa, raivosa, egoísta, orgulhosa, etc.

Mas devemos aceitar essas emoções?
Aceitar sim, mas não ser vítima dessas emoções.

O segredo está em entender que esses pensamentos e emoções não são você, mas sim seus. É como uma dor de cabeça, a dor de cabeça não é você, mas ela é sua.

Quando aceitamos nossas emoções que estão na sombra da consciência como sendo nossas, podemos tratá-las, entender o motivo de elas existirem. É como a dor de cabeça. Você não quer arrancar sua cabeça quando está com uma dor, você quer na verdade tratá-la, curá-la. Da mesma forma deve ser quando observamos uma emoção negativa ao qual não gostaríamos de ter. Devemos observá-la tentando entender a sua origem, o porquê de sua existência.

Levar a luz da consciência para cada emoção ou pensamento que julgamos ser negativo faz com que libere uma poderosa energia de realização e satisfação interior. A energia psíquica retida nos pensamentos e emoções negativos quando liberada revela nosso verdadeiro potencial.

 

A compreensão dessas emoções negativas gera conhecimento sobre quem nós realmente somos. Aceitando e cuidando dessas emoções deixamos a energia fluir, e podemos utilizar essa mesma energia para modificar quaisquer situações em nossa vida. 

Essa poderosa, que está retida em nossa sombra, em nosso inconsciente, precisa ser levada à luz da consciência. Para viver plenamente é necessário aceitar quem realmente é, até mesmo aquele que você diz não querer ser.

Compartilhar

Erickson Rosa

+ artigos

Terapeuta holístico, Mestre Reikiano e formado em psicoterapia holística. Fundador do Coach Matinal e autor do e-book Ansiedade Sem Remédios. Ministra cursos e eventos com temas como a motivação, psicossomática, fisiognomonia e meditação.