Compartilhar

por Equipe Horóscopo Virtual

Nanã Buruquê: Tudo sobre a Orixá Nanã

Nanã Buruque, Nanã Buruku, Nanã Buru, Nanã Boroucou, Anamburucu, Nnamburucu e Nanã Borodo são formas diferentes de se referir a Orixá que é considerada a mãe de todos os povos.

Acredita-se que a Orixá Nanã é a rainha da lama que originou os corpos de todas as pessoas, sendo a responsável por purificar os espíritos desencarnados para que eles se libertem do peso da vida e sigam para um destino de paz na morte.

Nanã na Umbanda é uma figura admirada na religião por ser considerada a memória da existência, como uma mãe ou como uma avó. Ainda que ela guarde todas essas lembranças, é ela quem vai fazendo as pessoas idosas se esquecerem de momentos de suas vidas, lembrando somente do que realmente importa.

Os filhos de Nanã são seis (Irolo, Obaluaiê, Osanyin, Yewá, Omolu e Oxumaré), sendo que eles carregam características únicas e marcantes. Um coração nobre, cheio de sabedoria e vontade de fazer o bem é essencial para os filhos desse Orixá. Apesar de autoritários, são honestos, responsáveis e românticos. Como Nanã, seus filhos também vivem muito e guardam memórias para toda a vida.

A popularidade de Nanã Buruquê levou à criação de uma música com seu nome, Cordeiro de Nanã, de Margareth Menezes. Muitas vezes essa canção foi regravada, por outros artistas, comprovando não só o impacto de Nanã na cultura brasileira, mas também a possibilidade de fazer uma crítica àqueles que usam a expressão “cordeiros de Nanã” de forma pejorativa.

Outro aspecto sobre Nanã Buruquê que desperta a curiosidade das pessoas é a existência de 15 pontos para esse Orixá. Cada um deles é cantado, como prega a religião, e são assim:

Um

Atraca, atraca

Que aí vem na onda, é Nanã

É Nanã, é Oxum,

É quem vem saravar, ei ah

É Nanã, é Oxum,

É a sereia do mar, ei ah

Conheça a relação entre os Orixás e Santos católicos

Dois

São flores,

Nanã, são flores

São flores, Nanã Burukê

São flores, Nanã, são flores,

Do seu filho Abaluaê

Nas horas de agonia

É ele quem vem nos valer

É ele, Nanã, é meu Pai,

É seu filho Abaluaê

 

Três

O mar roncava, entre as pedras se batia

Ao gemido da mãe d’água,

A sereia respondia

São flores, são flores…

São flores, Nanã Buruquê

São flores, são flores

 

Quatro

Minha mãe é Nanã

É o Orixá mais velho do céu

Nanã, oh Nanã Buruquê

Firma seu filhos, agora eu quero ver

Senhora Santana

Dai-nos vossa proteção

Valei-nos avó de Aruanda

Valei-nos com sua benção

Com seu manto consagrado

Com sua estrela bendita

Valei-nos senhora Nanã

Livrai-nos das horas aflitas

Ogum: Veja o poder deste Orixá

Cinco

Saravá Nanã, oi Nanã Buruquê

A sua saia é roxa

O seu telhado é de sapê.

 

Seis

Nanã, oh minha mãe Nanã

Protege os seus filhos

Segure o meu Congá

Eu sou de Jurema

E eu quero trabalhar

 

Sete

Nanã vem das neves,

Ela vem das ondas do mar

Saravá Oxumaré

Saravá a sereia do mar

Saravá Nanã Buruquê

Saluba

 

Oito

Atraca, atraca, que eu vi Nanã

Bangu, Bangulê

Atraca, atraca, que eu vi Nanã auê

Atraca, atraca, que eu vi Nanã

Que eu vi Nanã Buruquê

Pergunte à sua canhanha

Se eu vi Nanã, se eu vi Nanã Buruquê

Conheça a história da rainha do mar, Iemanjá

Nove

Senhora Santana, mãe de misericórdia

Eu vou pedir a ela

Pra ela pedir a Deus

Oh, minha mãe, rogai por mim

 

Dez

Nanã é mãe dos Orixás

Está na terra e na cachoeira e está no mar

Eu vou pedir à boa Nanã

Que abençoe seus filhos e seu Ogã

 

Onze

Oh Nanã, cadê Oxum

Oxum tá nas ondas do mar

Ela é dona do reinar

Salve Oxum

 

Doze

Oi nas ondas do mar eu vi Nanã

Oi Nanã Buruquê

Oi nas ondas do mar

Veja histórias em quadrinhos que retratam religiões afro-brasileiras

Treze

Oh Iemanjá, oh Iemanjá

Que linda sereia nadando

Areia nas águas do mar

Vai dizer pra Santana

Que toda semana eu rezo pra ela

Em seu louvor

É Nanã Buruquê

 

Catorze

Nas cachoeiras de Nanã Buruquê

Só se lava a cabeça do filho de Umbanda

Quando é pra valer

Mas se você não é, então não vai lá

Porque Nanã Buruquê, meu filho

Pode não gostar

 

Quinze

Maleime Velha Nanã

Maleime Deus é quem dá

Maleime Meu Pai Oxóssi

Maleime

Maleime Deus é quem dá

Maleime Velha Nanã

Maleime Deus é quem dá

Maleime Meu Pai Xangô

Maleime

Maleime Deus é quem dá

Maleime Velha Nanã

Maleime Deus é quem dá

Maleime Meu Pai Ogum


Leia também: Como agradar cada Orixá

Compartilhar

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.