Compartilhar

por Equipe Horóscopo Virtual

10 motivos para você expandir seus horizontes

Sair do seu mundo usual é a melhor coisa que você pode fazer a si mesmo. Planeje-se para sempre que possível dar uma escapada de sua rotina e permitir-se conhecer novos lugares, culturas, pessoas e visões de mundo. O mundo é muito grande e você é apenas uma minúscula parcela dele; se restringir ao seu ciclo de amigos e ao seu bairro é pura perda de tempo. Afinal, a sua vida realmente é aquilo que acontece fora da sua zona de conforto.

Expandir seus horizontes é preciso e extremamente recomendável. Entenda o porquê em 10 motivos rápidos:

Aprendizado

Estar longe de sua cidade natal, de sua rede de amigos ou de seus familiares é um grande aprendizado. A experiência de estar em um lugar ou situação fora de sua zona de conforto lhe rende diversos tipos de ensinamentos sobre a vida. Você sempre sai de uma experiência dessa com mais bagagem, mais maturidade e novas visões de mundo.

Conhecer pessoas

As pessoas são interessantes cada uma a sua maneira, e conhecer gente com hábitos diferentes dos seus só torna a experiência ainda mais enriquecedora. Em lugares distantes do qual você mora e em ambientes diferentes dos quais costuma frequentar, a tendência é de conhecer pessoas com uma vida bem diferente da sua. Você sem dúvida se surpreenderá com a maneira como vivem, os costumes que têm e a forma de encarar as coisas. Permita-se fazer amigos que nunca imaginou!

Novas experiências

Assim como as pessoas, fazer coisas diferentes torna a vida muito mais emocionante. Conhecer novos lugares te possibilita ter experiências inéditas e por isso muito mais interessantes. Desafie a si mesmo e proponha novas ações e pensamentos.

Redefinir relações

Quando passamos um tempo em lugares novos, tendemos a reavaliar nossos relacionamentos e nossas atitudes perante as pessoas com que convivemos. É distante que podemos encontrar respostas que pareciam perdidas.

Quebra de preconceitos

Crescemos com a mesma família e com o mesmo ciclo social por grande parte de nossa vida. O que faz natural com que tenhamos alguns preceitos, preconceitos e ideais básicas a respeito de muitas coisas. Quando viajamos e conhecemos novas pessoas e lugares, tendemos a ficar muito mais abertos e maleáveis a respeito dessas coisas. Sem nem nos darmos conta, passamos a ser pessoas mais tolerantes.

Liberdade

Conhecer novos lugares e permitir novas experiências nos deixa com um gostinho delicioso de liberdade na boca. É mágico saber que a vida pode acontecer sem planos, horários pré-determinados ou chefes nos ditando regras. Experimente!

Aprender a ser responsável por si mesmo

Estar em diferentes lugares com pessoas desconhecidas nos força a dominar a própria vida. Sabemos que precisamos resolver problemas, aprender a pedir ajuda e até arriscar uma língua estrangeira. O fator sobrevivência tende a nos deixar muito mais comunicativos, humildes e solícitos.

Empatia

Aprendemos, longe do usual, a ser mais gentis e a ter mais compaixão. Com frequência, passamos a nos colocar na situação das outras pessoas, pois esperamos que elas façam o mesmo conosco e nos estendam uma mão amiga.

Perda de controle

Nestas ocasiões de lugares e pessoas novas, aprendemos que está tudo bem em perder o controle. Na verdade, podemos inclusive descobrir que não saber onde está, para onde vai ou a quem recorrer pode ser algo benéfico. É assim a melhor forma de aprender a parar de controlar as situações e as pessoas com que nos relacionamos.

Cultura

Expandir os horizontes é uma das melhores formas de agregar cultura na própria vida. Conhecer diferentes lugares nos permite descobrir que mundo é muito maior do que imaginamos e que tem gente de todos os tipos possíveis por aí. É agregar o melhor de cada cultura na própria vida.


Artigo escrito por Roberta Lopes da Equipe Horóscopo Virtual.

Compartilhar

Equipe Horóscopo Virtual

+ artigos

Site esotérico completo que reúne conteúdos como astrologia, numerologia, mapa astral, runas, tarot e diversos. Serviço de consulta rápida e prática ao horóscopo diário, semanal, mensal e anual.