Compartilhar

por Valquiria Rita Geraldini

Desenvolvendo a intuição com a Terapia Floral

Acredite! Todas as respostas estão dentro de você! Aquela voz interior que surge repentinamente insistindo em nos dizer se devemos ou não seguir por determinado caminho… Ou aquele estremecimento no peito que avisa que aquela pessoa que acabamos de conhecer vai se tornar muito importante em nossas vidas… Tudo isso é a nossa intuição. Ela surge espontaneamente, sempre emitindo sinais. Para ouvi-la melhor, é necessário tranquilizar a mente. Parar, relaxar, respirar!

Para a psicologia, existe até mesmo o insight: eventos psíquicos que correspondem a inspirações súbitas e compreensões sobre um tema. Quando conseguimos relaxar e abrir a nossa mente para os insights, eles se apresentam.

No livro “Intuição, o Caminho da Sabedoria Interior”, a autora Patricia Einstein ensina um exercício para estimular a intuição:

“Este exercício é o companheiro perfeito para correr, nadar, remar, tomar uma ducha, fazer trabalhos domésticos ou qualquer tarefa mecânica.

 

Antes de começar a atividade, diga a você mesmo que a partir desse momento está aberto à intuição.

Em seguida, abra-se ao fluxo do chuveiro ou ao ruído do aspirador de pó e entre nele com sua percepção, pensando ou dizendo alguma coisa como: “Estou aberto a minha intuição; neste momento, vislumbres e ideias estão fluindo.”

Entre no ritmo do que quer que esteja fazendo e flua com ele. Você poderá se surpreender com os lampejos intuitivos que acompanham as atividades consideradas não inteligentes.

Dentro da Terapia Floral, existem diversas essências florais que podem ajudar a entrarmos mais em contato com a nossa intuição, bem como a abrirmos mais a mente para os insights.

Do Sistema dos Florais de Bach, criado pelo médico inglês Edward Bach, podemos citar a essência floral Cerato. Ela vai ajudar no entendimento de que não há melhor guia do que nossa intuição, auxiliando a ouvir nossa voz interior sabendo que é dentro de nós que estão as respostas e não no outro. Desta forma, nos sentiremos mais seguros e confiantes, podendo acessar todo o nosso potencial que está a nossa espera.

Do Sistema dos Florais da Califórnia, criado por Patricia Kaminski e Richard Katz, podemos citar a Star Tulip, também chamada, devido à semelhança física, de “orelhinhas de gato”. Esta essência nos leva a encontrar um espaço interior para escutar a voz interna, nos ajudando a estar receptivos às mensagens de nosso eu interior.

Do Sistema de Florais do Bush Australianos, criado por Ian White, podemos citar a essência floral Paw Paw. Está é uma ótima essência para ativar a conscientização do Eu Superior, que tem as respostas para todas as nossas perguntas. Ela fortalece o processo intuitivo e, assim, permite encontrarmos as respostas para os nossos problemas.

As essências florais não têm contraindicação e podem ser usadas por pessoas de qualquer idade. São encontradas nas boas farmácias de homeopatia e manipulação do país. Normalmente, são utilizadas tomando-se 4 gotas 4 vezes ao dia.

Por fim, deixo as palavras de Hugh MacPherson no livro “Afirmações para os Florais de Bach”:

“Eu confio no meu próprio julgamento. Eu sei o que é certo para mim. Eu confio na minha intuição. Eu tenho uma forte autoestima. Eu tenho a coragem das minhas convicções.”

Compartilhar

Valquiria Rita Geraldini

+ artigos

Valquiria Rita Geraldini é Terapeuta Floral, instrutora em Visualização Criativa e escritora. Atende em consultório e online além de ministrar cursos e dar supervisão para profissionais da área.