Compartilhar

por Giovanna Sapienza

Sobre os problemas cotidianos, a vida e os aprendizados

Quando temos um sonho ou desejos em mente queremos de toda forma realizá-los, nos esforçamos, nos empenhamos e damos nosso melhor. Corremos atrás de formas e respostas para um novo horizonte, buscamos uma mudança imediata e precisa. O fato é que nem sempre a vida nos responde da forma que esperamos e no tempo que esperamos, esse processo acaba se tornando um pouco desafiador, e buscamos sempre razões e um porque do insucesso ou falha momentânea.

Não existe regra para viver a vida, isso todos nós já sabemos. Como cada um é um Universo em si, não existe uma fórmula pronta que se aplique a todos nós. A grande tarefa acaba se tornando a busca incessante por satisfação pessoal e realização em todos os sentidos. Entre erros e acertos, vamos achando a melhor forma de nos colocarmos diante da vida e de entendermos o funcionamento desta grande máquina que a Existência.

Sempre recebo e-mails e contatos dos amigos leitores do Saber Pleno, e ter a comprovação de que muitos já estão na busca do autoconhecimento é fantástico. Sem sombra de dúvidas este é um dos melhores caminhos, existem infinitos outros, mas este é um dos melhores, pode ter certeza.
 
Você carrega consigo seus princípios, aprendizados e conceitos de vida. Sua fé, seus gostos e desejos te movimentam para os objetivos que deseja alcançar. Esta é sua caminhada!
 
A vida é tudo isso que você carrega consigo, suas histórias, suas passagens e seus sonhos. Não pergunte a ninguém qual o caminho e quais as respostas para as suas dificuldades, busque em você a saída para isso. Claro que um aconselhamento ou uma luz no fim do túnel sempre são bem-vindas, nós também crescemos com a experiência do outro. Mas não pense que a verdade do seu semelhante serve para você ou é aplicável no seu caminho. Você é um Ser ÚNICO!
 
Realidade X Resoluções
 
A vida está sempre em movimento, assim como você, seu corpo e o próprio globo. Não existe um momento que você estará 100% satisfeito, a natureza humana sempre busca algo. Mas veja o lado positivo de tudo isso, você NUNCA vai ficar parado. Sempre terá a chance de se superar a cada momento,  e seus obstáculos, assim como em um vídeo game, vão subindo de nível e lhe trazendo novos aprendizados e satisfações.
 
Esteja consciente deste fato, e trabalhe sempre o melhor em você. Para facilitar um pouco estas passagens busque ferramentas para o autoconhecimento, esteja diariamente ligado a coisas que te tragam novos aprendizados e te conectem com a sua essência. Seja um hobby, uma arte, um esporte, uma leitura, um curso, enfim coisas que te treinem, edifiquem, pessoas que te ensinem. O termômetro são os seus sentimentos, se ligue a coisas e pessoas que te façam bem e te deixem leve. Distribua seus conhecimentos e absorva conhecimentos alheios, você já parou para pensar que talvez este seja o verdadeiro foco da vida?
 
Tenha em mente que os objetivos da caminhada estão muito, mas muito além da sua capacidade de compreensão. Ninguém sabe ao certo, o real sentido da vida, mas isso não te impede de dar o melhor sentido que você pode a ela.
 
Todos os dias coloque-se frente a frente com os seus sonhos e dê o melhor possível que existe dentro de você para a concretização deles. Feito isso, permita que a vida siga seu fluxo, mostrando para você as melhores chances e oportunidades, ela é a mais sábia de toda esta história. E nesta caminhada, quando algo der errado, (e vai dar, isso também faz parte do aprendizado) encare como feedbacks que a vida lhe dá, lições para que você possa recalcular a sua rota ou melhorar o seu trabalho.
 
MAS LEMBRE-SE, ESTEJA SEMPRE PRESENTE E CONSCIENTE, À CADA PASSO DADO!

Compartilhar

Giovanna Sapienza

+ artigos

Terapeuta Holística, Jornalista e espiritualista, fundadora do projeto Saber Pleno. Amante de arte, comunicação e natureza, já estuda espiritualidade e novos caminhos para saúde e bem estar há 5 anos. Acredita muito nas relações pessoais, nos processos energéticos e nos bons sentimentos como caminho para uma vida feliz.

Frase de cabeceira: “A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional.”