por Daniel Rama

Preserve sua saúde, não fume!

Pois é amigos... a notícia é velha, mas sempre é bom postar né?

O tabagismo é considerado pela Organização Mundial da Saúde como a principal causa de morte evitável no mundo. Nos matamos propositalmente!
 
A organização estima que um terço da população mundial adulta, cerca de 2 bilhões de pessoas, sejam fumantes. Números estes que não são mais reais, afinal, é normal vermos menores de idade fumando. Nem coloco aqui a grande quantidade de menores que adoram fumar Narguilé.
 
A fumaça do cigarro tem mais de 4,7 mil substâncias tóxicas! O alcatrão, por exemplo, é composto de mais de 40 compostos cancerígenos. Já o monóxido de carbono (CO), em contato com a hemoglobina do sangue dificulta a oxigenação e, consequentemente, ao privar alguns órgãos do oxigênio causa doenças como a aterosclerose (que obstrui os vasos sanguíneos).

A nicotina é considerada pela Organização Mundial da Saúde, droga psicoativa que causa dependência. Ela também aumenta a liberação de catecolaminas, que contraem os vasos sanguíneos, aceleram a frequência cardíaca, causando hipertensão arterial.
 
O tabagismo está relacionado a mais de 50 doenças, sendo responsável por 30% das mortes por câncer de boca, 90% das mortes por câncer de pulmão, 25% das mortes por doença do coração, 85% das mortes por bronquite e enfisema, 25% das mortes por derrame cerebral. Segundo a Organização Mundial da Saúde, todo ano mais de cinco milhões de pessoas morrem no mundo por causa do cigarro. E, em 20 anos, esse número chegará a 10 milhões se o consumo de produtos como cigarros, charutos e cachimbos continuar aumentando.
 
Segundo o Instituto Nacional do Câncer, o tabaco também tem relação com a impotência sexual e infertilidade masculina pois, segundo estudos, prejudica a mobilidade do espermatozoide. 
 
Para obter informações sobre tabagismo consulte o site do Instituto Nacional de Câncer (Inca), órgão do Ministério da Saúde, responsável por coordenar e executar o Programa de Controle do Tabagismo no Brasil, ou ligue no Disque Saúde (136).
 
Termino esta matéria com a seguinte reflexão:
 
Ao fumar, nos matamos, matamos os outros, os animais e o planeta.
Quando fumamos, ficamos com dores no peito, perdemos o folego fácil, aparecem aftas na boca, ficamos com mau hálito, nossas roupas, veículos e casa ficam fedendo a cigarro, acabamos ficando mais porquinhos, deixando as cinzas por aí, poluímos o ar, sem contar que a grande maioria da população joga suas bitucas de cigarro no chão, gerando toneladas de lixo que acabam entupindo bueiros, contaminando o solo e as águas, matando assim milhares de animais.
 
Quanta coisa né?
 
Pois é… Eu sei que é difícil largar esse vício, mas vá em frente e pare para o seu próprio bem!
Todos nós vamos morrer! Isso é fato! Não sabemos o quando e nem como, mas algumas mortes nós sabemos como evitar! 
 
"Os vícios vêm como passageiros, visitam-nos como hóspedes e ficam como amos."

Daniel Rama

+ artigos

Daniel Rama é coordenador da Rádio Praia e responsável pelo Projeto Gatinho Zen que cuida de gatos de rua em Arraial d'Ajuda, Bahia. Formado pela tradicional escola Humaniversidade Holística comoTerapeuta Corporal Tântrico, Reiki, Deeksha, Curadores Energéticos entre muitos outros.

Fez parte do transformador curso Anima Soma.

Ministra curso de massagens e autoconhecimento para casais, além de divulgar e introduzir o vegetarianismo e veganismo a todas as pessoas que o procuram.

Possui outro Projeto chamado Aldeia do Despertar, onde leva para diversos locais do Brasil seu espaço de música, cultura alternativa, consciência, relaxamento, cura e redução de danos. Teve seu projeto instalado em grande eventos como a Mystic Fair e Virada Esotérica.

Participou do Festival Mundial da Paz, Festival Universo Paralello entre muitos outros levando mantras ao chill out.
Coordenou o espaço de Cura no Festival Mundo de Oz por duas edições.