por Vanessa Friggo

Limpando os registros deformados!

“A autoimagem é a essência da personalidade e do comportamento humano.  Mude a autoimagem, e ambos serão transformados” - Maxwell Maltz

 

Para continuar falando sobre a mesa radiônica escolhi uma ferramenta que acredito ser das mais importantes para uma libertação e transformação pessoal. O nome dessa ferramenta é Código 21. A ativação dela se dá decretando a limpeza de todos os nossos registros deformados. Aí você me pergunta, mas o que é isso, o que são esses registros deformados?

Simplificando bastante é a imagem que temos de nós mesmos! Imagem essa que vai sendo formada desde nossa infância, até os dias de hoje.

Então imagine que todos nós nascemos perfeitos, sem medos, angústias, traumas... se for difícil imaginar, basta lembrar de sua infância, de como era você antes de ter que se adaptar ao mundo externo.

Naquela época tudo era novo, tudo era descoberta, hoje sabemos a regra do jogo, é o famoso amadurecimento, um processo lento e gradual, onde vamos nos moldando para “encaixar” naquilo que esperam de nós.

E com isso, perdendo muitas vezes nossa essência, vamos deixando as coisas que gostamos de lado e passamos a priorizar aquilo que é esperado de nós. Criamos um zilhão de expectativas para nós mesmos e quando percebemos não reconhecemos mais quem éramos, o que gostávamos, com o que sonhávamos.

E o que fazemos com nossa essência é desfragmentar, catalogar, encaixar, tudo isso em busca de separar atitudes certas das erradas.

E esconder o “errado” de nós e do mundo, transformando coisas pequenas em monstros, o que é comumente chamado de sombras.

Da mesma forma, vamos nos traumatizando pelo meio do caminho, aquele relacionamento que destruiu nossa autaestima, aquela amiga que traiu nossa confiança, aquele erro bobo na infância que não perdoamos, uma perda importante, enfim, tudo isso vai formando nossa personalidade.

O grande problema, contudo, é que tudo isso ainda vive em nós pulsando, quase que imperceptivelmente, nós levando a tomar as mesmas atitudes, pois foi assim que aprendemos. 

Com isso criamos ciclos repetitivos em nossa vida, agimos da mesma forma, atraímos os mesmo problemas, fortalecendo cada vez mais nosso modo de agir.

Segundo Maxwell Maltz*, precisamos de 21 dias para mudar um hábito. É o tempo necessário para atingir nossas cadeias neurais, modificando determinado comportamento ou hábito.

Então quando é ativada a ferramenta Código 21, ali onde escondemos nossos traumas, bloqueios, medos é que ela vai atuar. Restaurando o nosso DNA metafisico! Nos proporcionando uma nova possibilidade de aprender com mundo, agora livre de traumas.

Isso é muito importante e para citar um exemplo, digamos que hoje você  tenha crises de ciúmes sem motivo aparente, que você não consiga lidar com esse sentimento e por consequência, suas relações acabam sempre pelo mesmo motivo.

Agora, se você conseguir olhar bem lá atrás para descobrir o que te fez mudar, olhar o “antes” de ter se tornado uma pessoa ciumenta, o que aconteceu, por quê você ficou insegura dessa forma, onde você se deformou, é nesse ponto que o código 21 vai atuar, limpar!

Ele vai tirar toda a carga emocional daquele acontecimento, te libertando daquela cadeia neural traumática, e na prática, você consegue transformar esse comportamento reativo.
Da mesma forma atua nos pensamentos cristalizados.

Um pensamento cristalizado é um pensamento inserido na sua mente por alguém próximo, que você nunca chegou a contestar, um bom exemplo é “ dinheiro é difícil de ganhar! ”, de tanto ouvir acaba criando uma regra, e por consequência sua vida começa a demonstrar que você tem razão!

Agora, livre desse pensamento a sua forma para lidar com dinheiro se transforma e com isso sua vida também se transforma.

E é assim que essa ferramenta atua! 

Voltando à questão da autoimagem, sua autoimagem muda, e aquilo que você mostra para mundo muda também. 

Não à toa ouve-se tanto “toda mudança começa de dentro”, ou como diria C.Jung**:

“Todos os efeitos são recíprocos, e nenhum elemento age sobre outro sem que ele próprio tenha se modificado”.

 

Bem meus queridos, vou parar por aqui, nos próximos continuamos a falar sobre ferramentas da mesa radiônica.

Beijos e muita luz!!!

Nota: *Maxwell Maltz (1899-1975) foi um psicólogo que desenvolveu a Psicocibernética, um sistema usado para melhorar a autoimagem e autoconfiança das pessoas.
A Psicocibernética diz que todos nós temos uma imagem formada de nós mesmos desde criança e essa imagem funciona como um objetivo para o inconsciente, e acaba nos levando para essa direção, quer conscientemente queiramos ou não. Se temos uma imagem positiva de nós mesmos, a vida acaba caminhando nessa mesma direção e vice-versa.(fonte: pensador).
** C.Jung Carl Jung (1875 - 1961) foi um médico e pensador suiço. É considerado o pai da psicologia analítica, Jung estudou o inconsciente humano e influenciou várias áreas do conhecimento com suas pesquisas.(fonte: pensador).

Vanessa Friggo

+ artigos

Em busca de levar a espiritualidade a quem me procura, trabalho visando o crescimento e felicidade das pessoas com amor e respeito.
Tenho inúmeras ferramentas que, ao longo dos anos, fui aprendendo, desenvolvendo entre elas: o Tarot, a Mesa Radiônica, Florais por Radiestesia, Pantáculos Pessoais, Meditação para criação de universo interior e descobertas simbólicas que chamo de Templo da Alma, Círculos Sagrados, Anjos, salmos, banhos, etc. Tudo isso ajuda no sentido de se conhecer, identificar e tratar os bloqueios, os círculos viciosos que muitas vezes vivemos sem nos dar conta.


- Terapeuta holística e oraculista com mais de 20 anos atendendo tanto presencialmente quanto a distância.
- Terapia dos Círculos Sagrados e Mandalas de chão.
- Terapia Universo Interior – Meditações direcionadas ao simbolismo pessoal e individual, trazendo do inconsciente informações sobre questões pessoais para que sejam tratadas e transmutadas.
- Astrologia
- Oráculos – Taro, baralho cigano e runas
- Mesa radiônica
- Reiki
- Magia Natural – banhos, ervas, cristais, elixires.
- Magia Cabalística – Anjos e Nomes Divinos

facebook Vanessa Friggo

fone (11) 99144 8054

blog Youtube